Blog do Carmadélio

Black friday? Calma! não se deixe levar pelo impulso consumista.

Você trabalhou duro o ano todo, foram horas e horas de trabalho – muitas delas até fora do expediente – e uma infinidade de tarefas que consumiram seu tempo até mesmo quando você estava longe do escritório. Então, com a proximidade do Natal e a chegada do 13° salário, você já prepara a lista de presentes e também já tem em mente o que deseja comprar na black friday.

Ok, não é errado gastar um pouco do suado dinheirinho com alguns itens e até mesmo algo que desejamos há muito tempo. Porém, não devemos esquecer que datas como essa foram criadas com o intuito de aumentar as vendas e, por isso, as lojas criam grandes anúncios divulgando preços que parecem “sensacionais”, “imperdíveis”. Pronto: lá estamos nós preparados para não perder algo que parece uma “oportunidade única”.

Sendo assim, é válido pensar um pouco antes de agir por impulso. E, para te ajudar a manter as finanças sob controle e, quem sabe até poupar, separamos oito motivos para você refletir antes de iniciar sua jornada de compras na black friday:

1 A BLACK FRIDAY NOS ENCORA A GASTAR DESNECESSARIAMENTE

Os compradores mais inteligentes têm um plano estratégico e organizado para a data: eles sabem exatamente o que querem e priorizam as lojas que já conhecem e pesquisaram antecipadamente. Porém, para os desavisados, as atraentes promoções anunciadas os deixam transtornados e vulneráveis a usar o cartão de crédito inadvertidamente. O problema com as compras por impulso é não saber se aquele é de fato um bom negócio ou não, pois não envolveu comparação de preços, leituras de avaliações do produto e, até mesmo, não envolveu uma breve pausa para se pensar na real necessidade daquele bem, principalmente se ele é um produto de maior valor;

2 TENHA FOCO E SÓ COMPRE O QUE VOCÊ PRECISA

É deliciosamente fácil se deixar levar pelo modismo e emoção da black friday. Surpreendentemente, 92% das pessoas fazem compras por impulso com base em ofertas e negócios. Então pense se você realmente precisa ou quer aquilo que lhe chama atenção. Você também deve evitar compras do tipo “pague 2 leve 6”, principalmente em lojas de perfil atacadista – você não precisa se render à barganha de comprar seis escovas de dentes elétricas pensando que talvez consiga convencer seus amigos a comprar os excedentes. Geralmente, há um motivo pelo qual os varejistas ofereçam descontos em mercadorias como esta, e muitas vezes é o fato de que um novo modelo será lançado em breve. Pense antes de comprar;

3 PREÇO DE BLACK FRIDAY NEM SEMPRE É O MELHOR

Com as recém-chegadas coleções de verão às lojas, definitivamente essa não é a melhor data para comprar as últimas tendências da moda. O mesmo vale para itens de decoração de Natal. E não deixe de iniciar a pesquisa dos preços daquilo que você quer com antecedência e, assim, poderá identificar se o lojista aumentou os valores às vésperas da black friday com o intuito de criar um desconto falso, ou seja, o produto está sendo vendido com o preço normal;

4 EXISTEM OUTRAS MANEIRAS DE CONSEGUIR PROMOÇÕES

O desconto na black friday pode ser bom, mas não necessariamente quer dizer que aquele é o menor preço que tal produto já atingiu. Para saber se vale a pena comprar ou não, procure por sites especializados em pesquisas de preço e passe a acompanhar a variação do valor do produto desejado ao longo dos meses. Alguns sites permitem até que você crie uma conta e receba um alerta por e-mail, caso o produto atinja preço inferior ao que você determinou. Nesse caso, você se deve estar atento se a loja vendedora é conhecida e tem boa reputação na internet;

5 AQUELE “GRANDE NEGÓCIO” PROVAVELMENTE NÃO VALE A PENA

Você se deparou com uma verdadeira pechincha: uma TV de 50 polegadas por R$ 1.000,00! Mas você já ouviu falar dessa marca? Se não é uma grande marca como as que você já conhece, provavelmente é melhor não arriscar e evitar dores de cabeça no futuro. Também fique atento às coisas do mostruário da loja, que costumam ser oferecidas com preço bem inferior ao do produto na caixa, mas que podem apresentar arranhões, falta de peças e até dos manuais de instruções. Se achar que mesmo assim vale a pena, tente barganhar o máximo possível;  

6 PODEM EXISTIR MELHORES OFERTAS EM OUTRAS OPORTUNIDADES

Por que todos pensamos na black friday como o único dia em que podemos economizar dinheiro? A maioria das lojas, especialmente em tempos econômicos ruins, promovem grandes liquidações nas primeiras semanas do ano. Há também varejistas que mantêm os preços baixos durante toda a temporada de festas para incentivar a compra ou até oferecer melhores vendas nas semanas seguintes à black friday. Para aqueles que não procuram presentes de Natal, a semana imediatamente após o feriado costuma oferecer melhores preços, já que as lojas tentam se livrar do estoque que carregaram durante as festas de fim de ano. É nessa época que os grandes varejistas promovem grandes descontos em itens como brinquedos, pois precisam de espaço para renovar suas prateleiras; 

7 QUANTO MAIS VOCÊ TEM, MAIOR PODERÁ SER SEU NÍVEL DE ESTRESSE

O aumento de posses impacta diretamente no aumento de responsabilidades. Um terreno ou casa nova exigem mais pagamentos de taxas e impostos, já um carro exige também coisas como documentação, seguro e por aí vai. E quando se trata de objetos como equipamentos eletrônicos, móveis, eletrodomésticos, à medida que eles aumentam em quantidade, automaticamente passam a ocupar mais espaço físico, o que pode levar a uma limitação de espaços dentro da casa e gerar estresse. Se você tem tendência a acumular coisas, veja se não é hora de repensar seus hábitos;

8 A ÂNSIA POR COMPRAS NOS DEIXA ALIENADOS, AO INVÉS DE AGRADECIDOS

Em uma das memoráveis passagens do Livro de Mateus, Nosso Senhor Jesus Cristo disse: “Não acumulem para vocês tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e furtam. Mas acumulem para vocês tesouros no céu, onde a traça e a ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam nem furtam. Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração.” (Mateus 6,19-21)

Enfim, nessa época, a black friday domina a atenção das pessoas e se torna um assunto central nas conversas, com todos falando sobre descontos e o que deseja comprar e se esquecendo de que deveriam estar se preparando para o Advento. A cada um de nós cabe refletir que o momento é de agradecimento a Deus pela prosperidade e todas as realizações alcançadas ao longo do ano.

Autora: Beatriz Camargo


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *