Projeções de Fé

Corações de Ferro

CoraçõesdeFerroSinopse: Durante o final da Segunda Guerra Mundial, um grupo de cinco soldados americanos é encarregado de atacar os nazistas dentro da própria Alemanha. Apesar de estarem em quantidade inferior e terem poucas armas, eles são liderados pelo enfurecido Wardaddy (Brad Pitt), sargento que pretende levá-los à vitória, enquanto ensina o novato Norman (Logan Lerman) a lutar.

O filme nos mostra as dificuldades de um soldado em enfrentar uma guerra. Os que chegam no início e não se preparam para o que vão encontrar,  acabam sofrendo com a adaptação, desde o primeiro tiro até as decisões mais difíceis. Isto vemos claramente no personagem vivido por Logan Lerman, um rapaz sem a menor experiência em guerra, que é jogado para dentro de um tanque, sem ter noção alguma do que fazer. Assim como ele, muitas vezes, não sabemos como reagir em nossas batalhas pessoais, porque não nos preparamos para elas, apenas entramos (algumas vezes confiando em nossas forças) e esquecemos de ter conosco a maior arma que podemos ter: a oração.

É como está em Efésios 6, 10-11: “Enfim, fortalecei-vos no Senhor, no poder de sua força; revesti-vos da armadura de Deus, para que possais resistir às ciladas do diabo”. Se queremos enfrentar nossas batalhas, devemos estar preparados sem confiar em nossas forças, mas nos armar da força de Deus.

Por outro lado, no filme, vemos três companheiros do jovem Norman, veteranos e endurecidos de guerra que decidiram confiar em si mesmos e no tanque “Fury“, aquele que se tornou sua casa. Durante o desenrolar de “Corações de ferro” vemos que eles preferiram tornar seus corações duros para enfrentar tudo o que vinha pela frente. Amigos que morreram, inimigos que poderiam matá-los sem pensar duas vezes, o risco da morte a cada nova incursão, tudo isso fez com que preferissem tornar seus corações duros para o dia a dia, pois acharam que seria a única forma de lidar com a guerra. Estes escolheram enfrentar as batalhas confiando em suas forças.

E não menos importante existe o personagem vivido por Shia LaBeouf, que já pelo nome e apelido já se vê que ter algo diferente – Boyd “Bible” Swan. Este personagem é diferenciado de todos e podemos notar isso do início ao fim. Ele ainda é um soldado como os demais, mas não age como eles. Vale a pena acompanhar suas atitudes e palavras e comparar com os outros soldados do tanque.

Que após assistir este filme possamos ouvir a voz do Senhor que diz:  “a quem enviarei, e quem há de ir por nós?”, e assim responder “eis-me aqui, envia-me a mim” (conforme Isaías 6, 8) ainda que tenhamos medo, pois enfrentaremos nossas batalhas revestidos da armadura de Deus.

Vamos iniciar a Quaresma e o Papa Francisco já nos deu nossas missões (leia a Mensagem do Papa para a Quaresma de 2015), então vamos ouvir a voz de nosso comandante e partir para mais uma batalha!

CONFERIR2 

Ficha técnica:

Gênero: Ação.
Direção: David Ayer.
Roteiro: David Ayer.
Elenco: Alicia von Rittberg, Anamaria Marinca, Brad Pitt, Brad William Henke, Christopher Maleki, Daniel Betts, Edin Gali, Jason Isaacs, Jim Parrack, Jon Bernthal, Kevin Strom, Kevin Vance, Laurence Spellman, Logan Lerman, Michael Peña, Scott Eastwood, Shia LaBeouf, Xavier Samuel.
Produção: Bill Block, David Ayer, Ethan Smith, John Lesher.
Trilha Sonora: Steven Price.
Duração: 134 min..
Ano: 2014.
País: Estados Unidos.
Estreia: 05/02/2015 (Brasil).
Distribuidora: Sony Pictures.
Estúdio: Columbia Pictures / Crave Films / Grisbi Productions, Le / Huayi Brothers Media / LStar Capital / QED International.
Classificação: 16 anos.

Trailer

(Visited 7.380 times, 11 visits today)

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. A história é atraente, mas esperava muito mais de esta produção. Eu acho que quando se trata guerra, o Filme Atirador é mais interessante, os efeitos cativá-lo desde o início, eo fechamento é bom basntante. Se falamos de corações reaprto Steel, destaque a este respeito.