Projeções de Fé

Gary Sinise e sua jornada de fé

Seu sorriso e toda disposição humana são instantaneamente reconhecíveis na tela.

Essas qualidades não deixaram de ser notadas para cerca de 2.000 Cavaleiros de Colombo, suas famílias e líderes da Igreja que ficaram encantados com o encontro surpresa com o ator Gary Sinise, durante a convenção da organização fraternal de 5 a 7 de agosto de 2014, em Orlando.

Ele falou em um jantar, nos Estados Unidos, em 5 de agosto, sobre seu amor por veteranos feridos e uma nova colaboração entre os Cavaleiros e sua própria fundação de caridade.

Natural de Chicago, estrela de teatro, cinema e televisão, amplamente conhecido por sua interpretação do tenente Dan no filme “Forrest Gump“, de 1994, também descreveu seu movimento gradual em direção à fé católica e sobre a decisão de sua família de se juntar à Igreja.

No início deste ano de 2018, os Cavaleiros de Colombo fizeram uma parceria com a Fundação Gary Sinise para construir uma “casa inteligente” de alta tecnologia para os deficientes em Marietta, Ohio. A casa era de um veterano ferido chamado Kyle Hockenberry e sua esposa, Ashley.

O ex-soldado da infantaria do Exército dos EUA estava servindo no Afeganistão e patrulhava a pé quando perdeu as pernas e o braço esquerdo em uma explosão numa estrada, em junho de 2011.

Quando penso sobre a vida e os sofrimentos de Cristo, quando penso nas histórias das dificuldades extremas e pesadas cargas que nossos homens e mulheres militares e suas famílias estavam dispostos a continuar, e continuar às cegas, não posso deixar de pensar sobre este verso: ‘Para um amor maior não há homem além disto, que ele dê a vida pelos seus amigos’“, disse Sinise no encontro.

Espera-se que a colaboração entre os Cavaleiros e a fundação do ator seja repetida, porque Sinise é atraído pela profundidade dos laços comunitários dos Cavaleiros em todo o país e pelos compromissos permanentes da organização com os deficientes, de acordo com Peter Sonski, funcionário de educação e divulgação da fraternidade.

Hoje, em parte por causa de sua generosidade, Sinise explicou: “Kyle e Ashley estão instalados em sua nova casa inteligente, cercada pela família e por uma comunidade que ama e cuida deles“.

Sinise também traçou o aprofundamento de sua própria espiritualidade e fé em parte para os eventos de 11 de setembro de 2001, quando foi convidado, como celebridade, a apoiar os socorristas e depois ajudar homens e mulheres servindo no Iraque.

Ele observou o exemplo do padre franciscano Mychal Judge, um capelão do Corpo de Bombeiros de Nova York, que morreu ajudando as vítimas após os ataques terroristas.

“Sua oração simples, ‘Senhor, me leve onde Você quer que eu vá. Deixe-me encontrar quem Você quer que eu conheça. Me diga o que Você quer que eu diga. E não me mantenha fora do seu caminho…” “Esta oração é muito especial para minha esposa e para mim”, disse o ator.

“Em sua última homilia proferida em 10 de setembro no dia anterior à sua morte, o padre Mychal disse: ‘… cada um de nós não tem ideia do que Deus está chamando você. Mas Ele precisa de você. Ele precisa de mim. Ele precisa de todos nós.'”, acrescentou o ator. “Padre Mychal entregaria sua vida pelos outros na manhã seguinte. Conheci tantas pessoas altruístas e corajosas que me inspiram a cada dia para levar adiante a missão.”

No final dos anos 90, Sinise disse que sua esposa, Moira, estava em Chicago se apresentando em uma peça irlandesa em uma taverna quando ela começou a se reconectar com o lado católico irlandês de sua família. Moira não foi criada em um lar religioso, mas sua mãe era católica de nascimento e seu pai era metodista, segundo o ator.

Logo depois, Sinise disse que sua família estava em Carolina do Norte, onde ele trabalhava na época, quando um furacão se aproximou.

“Como estávamos correndo pela estrada no carro alugado, tentando fugir da tempestade como relâmpago e vento e chuva e trovão estão nos perseguindo… Moira, do nada, se vira para mim e diz: ‘Quando voltarmos em casa vou me tornar católica e nossos filhos vão para uma escola também católica'”.

Depois de dois anos de aulas, no domingo de Páscoa de 2000, a esposa de Sinise foi crismada na Igreja Católica “e eu e meus filhos estávamos ao lado dela. Ficamos muito orgulhosos dela e de quão longe ela havia chegado”, disse ele.

Gary Sinise, sua esposa e filhos

Em 2010, na véspera de Natal, ele disse para a sua esposa e os filhos que eles estavam saindo para um jantar especial. Sem o conhecimento de sua família, ele estava participando de encontros particulares para ser crismado.

Então, antes do jantar, a família parou para ver um padre, “e em uma pequena cerimônia na véspera de Natal, cercada pela minha família, que eu amo e prezo muito… fui oficialmente crismado na Igreja Católica. Foi uma noite especial em nossas vidas”.

“A Igreja tem sido uma rocha para mim e minha família em alguns dos nossos momentos mais sombrios e difíceis”, disse Sinise aos Cavaleiros.

Ele disse que nunca esperaria falar em uma convenção dos Cavaleiros de Colombo, “mas Deus tem uma maneira de guiar as pessoas umas para as outras“.

O “trabalho e a missão de caridade incrivelmente generosos e volumosos” dos Cavaleiros e o trabalho do programa RISE da sua fundação – Restoring Independence and Supporting Empowerment [Restaurando a Independência e o Empoderamento de Apoio] – parecem feitos um para o outro em seus esforços “para fazer a diferença na vida de nossos veteranos”, segundo o ator.

Sinise também se apresenta com seu tenente Dan Band, entretendo as tropas em casa e no exterior. Ele viaja regularmente para zonas de guerra para se encontrar com militares e visita hospitais militares dos EUA na Alemanha, San Antonio, San Diego e Bethesda, Maryland.

Originalmente publicado no site Catholic News Service, traduzido e adaptado pela equipe do Projeções de Fé.

(Visited 870 times, 1 visits today)

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *