Projeções de Fé

Liga da Justiça

Sinopse: Na trama, Bruce Wayne (Ben Affleck) convoca Diana Prince (Gal Gadot) para criar um grupo de proteção contra ameaças sobrehumanas. Juntos, Batman e Mulher-Maravilha buscam e recrutam com agilidade um time de meta-humanos: Batman, Mulher-Maraviha, Aquaman (Jason Momoa), Cyborg (Ray Fisher) e The Flash (Ezra Miller), mas poderá ser tarde demais para salvar o planeta de um catastrófico ataque.

No novo filme da DC Comics no cinema podemos finalmente ver a formação da Liga da Justiça, que em nada lembra o antigo desenho Superamigos.

O filme é muito bom para apresentar os três novos personagens que havíamos visto apenas de relance no filme Batman vs Superman, que são Cyborg, Flash e Aquaman. Além disso, podemos ver a criação da dinâmica da equipe que lembra o desenho da Liga da Justiça, inclusive no desenvolvimento de uma amizade entre seus membros.

E a amizade é um dos pontos a se destacar no filme. De início, alguns dos novos membros estão muito desconfiados com Batman e Mulher-Maravilha, mas depois que passam a conhecê-los melhor e, ao mesmo tempo, aos demais, a relação e a confiança mudam e a amizade se cria.

Outro ponto é o senso de dever que eles sentem. Há uma grande e poderosa ameaça chegando, algo que, pelo seu histórico apresentado no filme, é algo que pode ser muito maior que a capacidade do grupo, sendo possível que Batman, Mulher-Maravilha, Cyborg, Flash e Aquaman morram.

Se lembrarmos das sábias palavras do Tio Ben (tio do Peter Parker … tá, a gente sabe que é da Marvel, mas vale utilizar essas palavras aqui), “com grandes poderes vem grandes responsabilidades”. É algo semelhante ao que Cristo disse: “Porque, a quem muito se deu, muito se exigirá. Quanto mais se confiar a alguém, dele mais se há de exigir” (Lucas 12, 48). 

Eles receberam poderes e sentem o dever de proteger os indefesos, ainda que isso possa custar suas vidas. É uma luta contra o mal, não para conquistá-lo, mas para mantê-lo a distância, para manter o equilíbrio e evitar que o mal se apodere dos mais fracos. 

Há outros pontos que poderíamos destacar, mas aí seria dar spoilers do filme…

É um filme que vale conferir no cinema, ainda que tenha alguns probleminhas de roteiro e produção, mas é importante lembrar que é um filme de formação de equipe, uma poderosa equipe, e que, pelo jeito, terá problemas maiores depois deste filme.

ATENÇÃO: tem duas cenas pós-créditos.

Ficha técnica:

Gênero: Ação.
Direção: Zack Snyder.
Roteiro: Chris Terrio.
Elenco: Amber Heard, Amy Adams, Ben Affleck, Billy Crudup, Ciarán Hinds, Connie Nielsen, Daniel Stisen, Diane Lane, Erin Eliza Blevins, Ezra Miller, Gal Gadot, Henry Cavill, J.K. Simmons, Jason Momoa, Jeremy Irons, Jesse Eisenberg, Joe Morton, Kiersey Clemons, Lisa Loven Kongsli, Michael McElhatton, Ray Fisher, Robin Wright, Samantha Jo.
Produção: Charles Roven, Deborah Snyder, Geoff Johns, Jon Berg.
Duração: 121 min.
Ano: 2017
País: Estados Unidos
Classificação: 12 anos

Trailer


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio, postaram comentários que não cumprem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seguir